quarta-feira, 10 de janeiro de 2007

Contradições da Bíblia!














- Em Gênesis 1 no que diz respeito a criação, encontramos conflitos na ordem dos eventos que são conhecidos pela ciência. Em Gênesis, a terra é criada antes da luz e estrelas, pássaros e baleias antes de répteis e insetos, e florescem plantas antes de qualquer animal. 1:1-2:3

- Deus cria a luz e a separa da escuridão, o dia da noite, no primeiro dia, mas ele ainda não criou os objetos que produzem luz (o sol e as estrelas) até o quarto dia (1:14-19). Como pôde haver "tarde e a manhã" no primeiro dia se não havia nenhum sol para os marcar? 1:3-5

- Deus gasta 1/6 do esforço criativo dele (o segundo dia) trabalhando em um firmamento sólido. Esta estranha estrutura que Deus chama céu, pretende separar as águas mais altas das águas mais baixas. 1:6-8

- As plantas são criadas no terceiro dia, antes de lá existir um sol para realizar a fotossíntese. 1:11

- Deus deixa a terra produzir as plantas, em lugar de as criar diretamente. Talvez o Gênesis não seja tão anti-evolução afinal de contas. 1:11

- Em um aparente endosso à astrologia, Deus coloca o sol, lua, e estrelas no firmamento de forma que eles possam ser usados "para sinais". Isto, claro que, é exatamente o que os astrólogos fazem: ler "os sinais" no Zodíaco para predizer o que acontecerá na Terra. 1:14

- Em Gênesis 1 a criação inteira leva 6 dias, mas o universo é pelo menos 12 bilhões de anos mais velho, com estrelas novas que constantemente são formadas. 1:31

- Os humanos não foram criados instantaneamente do pó e sopro, mas evoluíram em milhões de anos de formas mais simples de vida. 2:7

- Depois de criar os animais, Deus deixa a cargo de Adão dar nomes a eles. Nomear os vários milhões de espécies devem ter mantido Adão ocupado durante algum tempo. Porém os animais não foram criados instantaneamente do chão, mas evoluíram em milhões de anos. E ainda não temos todos os nomes deles. A cada ano são descobertas dez mil espécies novas de insetos. 2:18-22

Fonte: http://bibliadocetico.sites.uol.com.br/
Em breve mais contradições!
________________________________

Créditos da postagem - Tikita

Nenhum comentário: